Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pimenta na Língua

Tudo sobre alguém que não tem papas na língua

As mulheres estavam doidas

Tal como tinha dito anteriormente, no dia da mulher eu e as minhas amigas convidámos os nossos homens a irem jantar connosco (a pagar-nos o jantar, vá!) e lá fomos nós a pensar que íamos encontrar um restaurante cheio de grupos de mulheres a festejarem que nem loucas e desertas de encontrar um homem.

E não é que para nosso espanto assim que chegámos ao estacionamento em vez de começarmos a ver grupos de mulheres a saírem do carro encontrámos precisamente o contrário, carros cheios de homens provavelmente a aproveitarem a data para encontrarem alguma para levar para casa. O que eu acho que foi uma ideia brilhante para eles, tendo em conta que o que lá encontrámos dentro foi bem parecido.

Lá entrámos e tínhamos a nossa mesa à nossa espera, olhámos à volta, e lá estavam elas, grupos delas todas doidas, tal como prevíamos. Ao jantar gritavam, abriam prendas, das prendas saiam coisas bem perversas e elas continuavam todas histéricas.

Na casa de banho conseguimos ouvir "agora vamos lá fora, vamos lavar as vistas", e continuavam assim , todas doidas e a planear ir à caça deles. Depois, há aquelas que levam as filhas de 9 anos atrás e metem-se a beber a fazerem figuras de parvas à frente das filhas, já para não falar das conversas que conseguíamos ouvir.

E nós, mais novas que elas, ainda discutíamos o facto de a grande maioria das pessoas dizerem mal das gerações mais novas. Que somos isto e aquilo, que parece que a juventude está perdida, que as mulheres de hoje não são como antigamente, que já não há respeito.

Aquelas mulheres que estavam no restaurante eram praticamente todas mais velhas que nós, e elas é que estavam perdidas, elas é que não tinham respeito pelas filhas que levaram com elas, e elas é que estavam na casa de banho a pintarem-se e produzirem-se, para assim que saíssem de lá arranjarem um homem.

Ai vida, vida, nós tão novas e com tanto juízo.

2 comentários

Comentar post