Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pimenta na Língua

Tudo sobre alguém que não tem papas na língua

Os livros Infantis

Vou muitas vezes aos shopings, e claro que o que há de melhor numa ida ao shoping é enfiar-me numa zara às compras. Mas como não há dinheiro e os homens não têm paciência para se enfiarem na zara, sou completamente arrastada para uma FNAC.

E se eu de computadores e máquinas fotográficas não percebo nada, vou ter com os livros, mas precisamente os livros infantis. E é isso que me dá mais gozo na fnac, é perder-me a ler livros infantis. Se pudesse comprava-os a todos. Como não posso, ali fico eu a ler os que consigo enquanto o namorado dá à volta à loja e vê tudo o que são novidades tecnológicas. E lá fico eu a sorrir feita parva como se fosse uma criança, a olhar para aquelas imagens que nos transportam para outro mundo, um mundo onde é quase tudo perfeito e onde as história têm quase sempre um final feliz e onde as palavras são mágicas.

E o que mais gosto é de perceber que uma boa história infantil consegue ser um bom ponto de partida para dar início ao desenvolvimento de diferentes competências e temáticas.