Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pimenta na Língua

Tudo sobre alguém que não tem papas na língua

Coisas de supermercado

O que é que fazemos quando vamos ao supermercado, estamos na ponta da caixa a ensacar as compras e a pessoa que está a seguir a nós na fila em vez de estar no lugar dela está em frente à senhora da caixa, a senhora diz-nos o valor que temos a pagar e nós não conseguimos alcançar a senhora com o dinheiro? Perguntamos à pessoa se nos quer pagar as compras, partimos para violência ou ignoramos?

Começo a achar que devia haver uma cancela que fechasse para o cliente seguinte não se aproximar do nosso espaço de manobra (entenda-se espaço para ensacar e posteriormente recuar um bocadinho para junto da empregada para pagar).

 

 

E quando a simpatia é demais?

Se há coisa que acho importante numa pessoa que atende o público é a simpatia, mas apenas uma simpatia moderada e não se meter em tudo.

Ontem precisei de passar pelo supermercado para comprar umas coisitas que estavam em falta e vi por lá bolos rei com óptimo aspecto, como os meus pais adoram decidi trazer.

Chego à caixa e vendo quem lá estava, calculei que a senhora iria comentar todos os produtos que eu iria levar, como faz sempre : "olá boa tarde, estás boa? Ai o pão está mesmo quentinho, ai também gosto muito destes iogurtes. O bolo rei tem muito bom aspecto, mas não o consigo comer, não gosto nada de frutas cristalizadas, mas gosto tanto da massa que tenho sempre de comprar bolo rainha "

Mas o que é que eu tenho a ver com isso? Eu gosto que as pessoas que me atendam sejam simpáticas, o que nos dias de hoje parece que não se vê muito, porque anda tudo mal com a vida e parece que os clientes têm culpa, mas também não preciso de saber da vida toda das pessoas.