Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pimenta na Língua

Tudo sobre alguém que não tem papas na língua

Peripécias de farmácia

Na Farmácia:

 

Eu, num balcão a pedir a pílula.

No balcão do lado, um rapaz com 17 ou 18 anos, a pedir um teste de gravidez.

Ainda pensei cá para mim, pois é por isso que eu me previno, mas depois fiquei com pena dele e até achei graça à coragem de ter sido ele a ir comprar o teste.  O Rapaz estava tão calminho e tão nervoso ao mesmo tempo que só aptecia dar uma palmadinha nas costas e dizer que ia tudo correr bem. Mas a farmacêutica fez questão de se despedir com um "tudo a correr bem".

Opa, aquilo tocou-me. Não sei se por já ter passado pelo mesmo, se por pena, mas fiquei curiosa com o final da história.